Fotografia Religiosa

Pesquisas Populares: mariajesuseucaristia

A Evangelização por meio da imagem não é nenhuma novidade, dos dias de hoje. Basta visitarmos uma Igreja e veremos que, de alguma forma, há a manifestação do sagrado por meio de vitrais, ícones, pinturas, e até mesmo a imagem dos próprios santos.

Deus se comunica conosco de diversas formas- a imagem é uma delas- e em cada detalhe, seja direta ou indiretamente.

A Fotografia Religiosa não se caracteriza somente por fotos diretamente relacionadas a um elemento religioso, visto que o Senhor se utiliza de diversos meios e situações para se revelar.

Wallace Freitas e Amaury Santos, católicos e fotógrafos, vivem essa realidade: comunicam Deus através de suas fotografias, seja através de fotos de Missas e eventos comunitários, seja em fotos do dia a dia ou da natureza.

Na publicação acima, feita por Wallace, missionário da Comunidade Católica Shalom, a mensagem não está diretamente ligada a algo religioso. Pode-se pensar que é apenas uma fotografia da cidade de Turim. Porém, nela contemplamos a beleza da natureza e, nos detalhes da foto, podemos experimentar o cuidado de Deus.

Além disso, o fotógrafo divide que comumente publica fotos que não estão relacionadas a algo religioso e complementa com uma legenda que traga uma mensagem mais direta, como nesse caso.

"De fato, um tolo é aquele que persegue as alegrias do mundo, porque estas alegrias sempre passam e causam dores, enquanto a única verdadeira alegria é aquela que nos dá fé. Fé, para mim, é a primeira coisa e farei qualquer sacrifício por ela. Somente a fé nos dá a oportunidade de viver" (Pier Giorgio Frassati)

Isso permite que alcancemos pessoas que não estão buscando algo religioso, mas que ao clicarem na foto, que parece não ter nenhuma ligação com Deus, são alcançadas pela mensagem da descrição.

Nessa outra fotografia, Wallace revela que ao tirá-la, recordou Santa Teresinha que disse “encontrei afinal minha vocação: minha vocação é o amor.” A mensagem é implícita, mas isso não faz dela menos profunda ou relevante. Cada um que contempla a imagem a recebe de uma maneira diferente.

 

Amaury Santos, também fotógrafo, é conhecido por suas fotografias do Pantanal e da natureza, no geral. Ele conta que ao fotografar a natureza do local, faz experiência com o amor de Deus, que se manifesta na criação.

“Ali observo a grandeza da criação de Deus; medito, contemplo e dou graças por tudo que recebo de bençãos em minha vida.”

É esse o convite implícito em cada uma de suas fotografias: um convite à contemplação da criação, do amor e do cuidado de Deus expressos em cada detalhe.

Ele divide que essa experiência com a natureza o leva também a compreender que o natural da vida é confiar em Deus, agradecer e entregar, assim tudo acontece com perfeição.

“O sol nasce, o dia começa. Observando as aves no Pantanal, vejo o seu despertar, revoadas e seus cantos. Todas saem para comer, descansam e no final do dia buscam abrigo para dormir. Tudo tem um ciclo perfeito. Elas não se preocupam com nada, apenas vivem. Assim deveríamos ser. Deus cuida de tudo e providencia sempre o que precisamos, apenas o necessário. Essa sintonia me acalma, transporto para minha vida e procuro viver sem correria e viver o meu hoje com gratidão.”

Compreendemos, assim, que em tudo podemos comunicar Aquele que é a nossa mensagem; em cada foto podemos deixar que o Senhor seja livre para falar com aqueles que a veem.

Sejamos instrumentos nas mãos de Deus, Ele que tudo pode fazer com nossa oferta!

Deixe seu comentário

Post relacionados